Salvador Sobral e Luisa Sobral. Garantias de qualidade na musica portuguesa!

    Antes de os ver no festival RTP da canção, nao os conhecia e nunca tinha ouvido falar deles. Quando o tema ” Amar pelos dois” foi apresentado nesse certame e ganhou, a minha opinião imediata foi de que era um grande erro e que mais uma vez Portugal nao ia fazer nada na eurovisao. Como se viu, falhei completamente a minha previsão e admito que ainda bem. A musica nunca foi do meu completo agrado mas como português fiquei contente por finalmente Portugal ter ganho 53 anos depois da estreia. E depois de ouvir mais algumas vezes, conclui que afinal ela nao era tao ma assim. Pelo menos era um estilo diferente do que estava a aparecer nos últimos anos no festival da eurovisao e ao qual Salvador tao bem aludiu com o seu fogo-de-artificio. E raras vezes ganharam canções que descartavam do status quo festivaleiro. Ora depois dessa vitoria fiquei (e de certeza como muita gente ficou) curioso sobre os irmãos Sobral. Fui ver e ouvir no youtube e fiquei bem surpreendido positivamente. Mas ao mesmo tempo pensei que muito provavelmente todo o sucesso que estão a ter agora vai-se desvanecer daqui a algum tempo e vao voltar à normalidade de antes da vitória na eurovisao. Duas ideias fundamentais fizeram-me chegar a essa hipótese. Em 1° lugar o facto de nunca nenhum vencedor (com excepção dos ABBA) ter atingido a fama por causa do festival. E em 2° lugar, e este é mais importante, a difícil confluência entre o tipo de música dos Sobral e o gosto musical mais em voga entre os portugueses, apesar do grande sucesso de “Amar pelos dois” talvez um dos temas mais comerciais da dupla. E aqui é que esta o cerne da questão. Eles sao muito melhores do que aquilo que esta canção possa ter mostrado mas o tipo de música que fazem nao é daquele que costuma passar (e massacrar) as tardes inteiras na televisão. Entre a paupérrima qualidade musical que se vê e se ouve em quase todos os canais generalistas e a surpreendente qualidade do jazz de Salvador e Luisa, seria mais do que merecido que tivessem um sucesso digno dessa qualidade mas num país onde a cultura é muitas vezes tao mal tratada, quantos grandes artistas estão hoje quase ou mesmo caídos no esquecimento e quantas nulidades musicais têm um sucesso completamente imerecido. Infelizmente receio que o mesmo se passe com eles; o que seria pena. Também por isso é que decidi escrever pela primeira vez um artigo sobre músicos ainda nao consagrados. Os textos anteriores, que nao foram muitos, retratavam músicos e intérpretes já imprescindíveis na cultura musical portuguesa. Espero ao menos com isto divulgar um pouco da boa qualidade musical portuguesa que existe mas infelizmente é escondida pela obrigação das audiências. 

   Deixo aqui dois vídeos a comprovar porque vale a pena ouvir Salvador e Luisa Sobral.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s